Mais de 90 moradores de rua se beneficiam com Programa Banho Solidário da Prefeitura de Araguaína

Foram realizados 320 atendimentos gratuitos desde a abertura do quiosque de higienização na Praça das Bandeiras, no dia 8. O local também tem distribuição de kits de higiene, roupas e tolhas limpas, além de vale-alimentação
 

Manoel de Oliveira, 70 anos, fica na Praça das Bandeiras e precisava ir até um posto da Entroncamento para tomar banho. “Era no posto ou no Rio Lontra”, contou 


Como medida para diminuir as chances de contágio do novo coronavírus entre os moradores de rua, a Prefeitura de Araguaína intensificou o trabalho social e instalou um quiosque de higienização da Praça das Bandeiras. Já são 92 pessoas atendidas no Programa Banho Solidário, que disponibiliza ainda kits de higiene, máscaras, vale alimentação no Restaurante Popular, roupas e toalhas limpas. Desde a abertura do local, no último dia 8, foram 320 atendimentos realizados. 

Para Bruno Henrique da Costa, 24 anos, a medida é positiva. “Antes a turma precisava ir em um posto do Entroncamento, único lugar que deixava a gente tomar banho, e por causa do sol ficávamos por lá a tarde toda”, lembrou. Além do chuveiro, ele também ganhou roupas limpas, entre camisetas e bermuda.

A caminhada para tomar banho era a mesma para Manoel de Oliveira, 70 anos, que fica na região da Praça das Bandeiras. “Era no posto ou no Rio Lontra”, contou. Natural do Goiás, ele está em Araguaína há 46 anos. Também de outro Estado, Domingos Reis, 37 anos, veio do Maranhão para tratamento contra dependência química e acabou voltando para a rua. “Eu vou no psiquiatra duas vezes por semana, no Caps, e com essa doença não pode mais tomar banho lá”, explicou.

O quiosque fica aberto durante todos os dias, das 7 às 19 horas, e conta com apoio de uma equipe com assistente social, pedagogo social e dois auxiliares de serviço geral que fazem a higienização dos banheiros logo após o uso de cada beneficiado. “Logo de manhã, a gente percorre os locais que mais concentram esses moradores e convidamos para vir até aqui”, afirmou Lidiane Rodrigues, que é assistente social no local.

Kit completo
De acordo com o diretor municipal de Proteção Social Especial, Lucas Andrade, o kit é completo para homens e para mulheres, também individual e deve ser reaproveitado. “Eles ganham escova de dente, creme dental, sabonete, papel higiênico, toalha e lâminas de barbear ou absorvente.  A toalha fica com a gente, nós lavamos para que eles usem limpas novamente”, detalhou. 

Mais auxílios
Outro programa assistencial do Município é a entrega de cestas básicas às famílias carentes e trabalhadores que foram impedidos de prestar seus serviços devido às medidas restritivas. Até o momento, foram entregues 14 mil cestas pela Prefeitura. “Além das pessoas que se cadastram no sistema, temos castrados especiais para profissionais, como ambulantes, mototaxistas, garçons, promoter de festas, recicladores de lixos e outras”, classificou o diretor.

O cadastro para pedir o auxílio pode ser feito no site http://araguaina.to.gov.br/. Além dos alimentos, junto a cesta é entregue máscaras de tecido 100% algodão. Todo o material para confecção da proteção é disponibilizado pela Prefeitura, que compra das costureiras já selecionadas cada unidade com corte, costura e acabamento por R$ 1.

O local conta com apoio de uma equipe com assistente social, pedagogo social e dois auxiliares de serviço geral

O quiosque fica aberto durante todos os dias, das 7 às 19 horas

Fonte: Marcelo Martin/Foto: Marcos Sandes/Ascom

Posts recentes

Categorias

Assinar!

Blog

http://cerradopost.com/blogkonjuntura/

Redes Sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons