Associação entre antimicrobiano e anti-inflamatório é eficaz para o tratamento de infecções em bovinos

Combinação de princípios ativos possibilita rápida recuperação, melhor custo x benefício e consequente maior rentabilidade aos pecuaristas.

As doenças infecciosas em bovinos, como diarreias, mastite, infecções de casco e pneumonias, entre outras, causam sérios prejuízos à produtividade do projeto pecuário, seja no corte ou leite. “Cada dia de tratamento representa um dia a menos no processo normal de produção. É mais custo. Em uma atividade na qual a rentabilidade é medida pelo resultado financeiro por quilo de carne ou por litro de leite, isso pode significar fechar a conta no vermelho”, assinala Antonio Coutinho, gerente de produtos de animais de produção da Vetoquinol® Saúde Animal.

Coutinho recomenda tratar as doenças infecciosas com a associação de antibiótico, cuja função é eliminar as bactérias, e anti-inflamatório, que proporciona rápida recuperação do animal. “Essa associação ajuda os animais a se recuperar com segurança e agilidade. Com isso, retornam mais rapidamente ao processo normal de produção seja de leite ou para corte”, explica.

A associação de princípios ativos também confere alto potencial bactericida, sem risco de resistência, sendo um tratamento seguro e eficaz. “É importante que os pecuaristas escolham soluções que ofereçam benefícios, como menos manejo e maior facilidade de aplicação. A baixa carência, especialmente para os animais de corte em terminação e as vacas de leite em produção, é indispensável e garante tranquilidade em relação ao produto final, ou seja, ponto positivo para segurança alimentar”, ressalta o gerente de produtos da Vetoquinol®.

Leia Mais…

A Vetoquinol® Saúde Animal oferece aos pecuaristas uma linha completa de soluções eficazes para combater os processos infecciosos dos bovinos. AcurA® Max é recomendado para o tratamento das infecções dos bovinos. O produto é eficaz pela associação entre o anti-inflamatório meloxican e o antimicrobiano o ceftiofur (cloridrato), sendo ideal para a rápida recuperação dos animais tratados. “É a primeira opção de antibiótico para animais não lactantes, que proporciona ação mais efetiva contra bactérias e infecções e retorno mais rápido do animal à produção, sem riscos de resistência bacteriana”, assinala Antonio Coutinho.

Sobre a Vetoquinol – Entre as 10 maiores indústrias de saúde animal do mundo, com presença na União Europeia, Américas e região Ásia-Pacífico. Grupo independente, projeta, desenvolve e comercializa medicamentos veterinários e suplementos, destinados à produção animal (bovinos e suínos), a animais de companhia (cães e gatos) e a equinos. Desde sua fundação, em 1933, a Vetoquinol combina inovação com diversificação geográfica. O crescimento do grupo é impulsionado pelo reforço do seu portfólio de produtos associado a aquisições em mercados de alto potencial de crescimento, como a Clarion Biociências, ocorrida em Abril/2019. A Vetoquinol gera 2.372 empregos e está listada na Euronext Paris desde 2006 (símbolo: VETO). A Vetoquinol conta com SAC formado por profissionais da área veterinária para auxílio aos clientes. A ligação é gratuita – 0800 741 1005. Site: www.vetoquinol.com.br

FONTE: FLAVIA PISANISTA PRESS / GRUPO TEXTO 

Categorias

http://cerradopost.com/blogkonjuntura/

Redes Sociais!

Assinar!

Share On Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons