Educação abre chamada pública para compra de alimentos de pequenos produtores da região

Interessados em vender seus produtos têm desde ontem, 22 de julho, até o dia 10 de agosto para apresentar a documentação exigida pelo Programa Agricultura Familiar, na sede da secretaria. Agendamento deve ser feito por telefone para evitar aglomeração

A Secretaria da Educação, Esporte, Cultura e Lazer abriu chamada pública para aquisição de alimentos de produtores da região, por meio do Programa Agricultura Familiar. A finalidade é estimular a produção dos agricultores familiares da região, a partir da certeza da comercialização dos seus produtos a preços justos.

Os alimentos adquiridos por meio da chamada pública em aberto serão destinados ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Entre os alimentos que serão comprados pelo programa estão abacaxi, abóbora, banana, cheiro-verde, frango melhorado, polpa de frutas, milho verde, melancia e outros, totalizando uma média de mais de 123 toneladas de alimentos.

Com a pandemia da covid-19 e a suspensão das aulas, essa é a primeira chamada pública do programa em 2020. Os produtos reforçarão o cardápio dos alunos da Rede Municipal de Ensino de Araguaína, que se preparam para o retorno gradual das aulas.

Em 2019, o Programa Agricultura Familiar comprou 226 toneladas de alimentos de produtores da região de Araguaína.

Leia Mais…

Como participar

Os interessados em vender seus produtos podem apresentar a documentação necessária a partir de hoje, dia 22, até o dia 10 de agosto, das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas, de segunda a sexta-feira, na Secretaria da Educação, localizada à Avenida Bernardo Sayão, nº 499, no Setor Entroncamento.

“Queremos destacar que para realizar as inscrições o produtor deve primeiro agendar o horário, através do telefone (63) 3411-5627. O agendamento é para que não haja aglomeração de pessoas na secretaria, seguindo dessa forma as medidas de segurança para evitar a covid-19”, explicou a nutricionista Jéssica Maria Soares.

Podem participar do programa agricultores e empreendedores familiares rurais enquadrados no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (PRONAF). Todos os critérios de participação e documentos necessários estão disponíveis no Diário Oficial do Município nº 2.104, do último dia 21 de julho.

Outros programas  
 

Araguaína também conta com o Programa Compra Direta, que adquire o excedente de produção da agricultura familiar regional. São mais de 200 produtores beneficiados, atualmente com o compra direta. Antes, o programa contava com cerca de 45% dos fornecedores de Araguaína. 

Hoje, como resultado de ações como a Distribuição de Calcário e o Trator na Roça, a produção no município aumentou e passou a contar com 60% dos fornecedores locais.

Fonte: Adriana Santana | Foto: Marcos Sandes

Categorias

http://cerradopost.com/blogkonjuntura/

Redes Sociais!

Assinar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons