Produto Interno Bruto tocantinense atinge R$ 34,10 bilhões

O PIB do Tocantins de 2017 atingiu o valor de R$ 34,10 bilhões e teve crescimento em volume de 3,1%, em relação ao ano anterior. Em valores correntes, o resultado alcançado em 2017 representou um incremento de R$ 2,5 bilhões à economia tocantinense em relação a 2016, em que o PIB foi R$ 31,6 bilhões. O estado manteve participação de 0,5% no PIB nacional e 24ª posição entre os entes federativos. O PIB per capita de 2017, por sua vez, foi R$ 21.998,34, contra R$ 20.605,59 em 2016. Esses números foram divulgados nesta quinta-feira, 14, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A Agropecuária obteve a maior variação em volume entre os três grupos de atividades, 26,7%. O resultado foi decorrente do desempenho do cultivo de soja, na Agricultura, inclusive apoio à agricultura e a pós-colheita; da criação de bovinos, na Pecuária, inclusive apoio à pecuária; e da silvicultura de lenha em Produção florestal, pesca e aquicultura. Devido ao crescimento em volume dessas três atividades, a participação da Agropecuária na economia de Tocantins elevou-se, de 12,7% para 13,5%.

O total das atividades industriais apresentou decréscimo em volume de 4,0% na comparação ao ano anterior, resultante da queda em suas principais atividades. Indústrias de transformação, apesar do ganho em valor relativo, teve queda em volume de 6,2% ocasionada principalmente pelas atividades de preparação de couros, fabricação de álcool e fabricação de minerais não metálicos. Construção também apresentou queda em volume (-5,5%), distribuída entre todos os segmentos da atividade, sobretudo na construção de edifícios. Em Eletricidade, água, esgoto, atividades de gestão de resíduos e descontaminação, a retração em volume (2,7%) foi ocasionada pela redução da quantidade de energia gerada pelas principais hidrelétricas do estado.

Serviços registrou crescimento em volume de 0,7% em 2017 e teve participação de 71,8% no valor adicionado do Estado do Tocantins. Todas as atividades de Serviços tiveram variação positiva, com exceção de Administração, defesa, educação e saúde públicas e seguridade social, que caiu 2,5%; devido à redução na saúde pública. A administração pública contribuiu também para a perda de participação do total dos serviços na economia tocantinense, já que o peso da atividade reduziu de 31,7% para 29,6%; entre 2016 e 2017.

Fonte – Arlete Carvalho/Governo do Tocantins
Legenda:
A Agropecuária obteve a maior variação em volume entre os três grupos de atividades, 26,7%Aldemar Ribeiro/Governo do Tocantins

Posts recentes

  • Câmara Municipal de Araguaína iniciará votação do Orçamento para 2020
    A Câmara Municipal de Araguaína iniciará o processo de votação da Lei Orçamentária Anula (LOA) para o exercício de 2020 na tarde da próxima terça-feira (10) em Sessão Extraordinária. O Presidente da Câmara, vereador Aldair da Costa Sousa (Gipão), convocará Sessão Extraordinária na próxima terça-feira (10) para o início da votação do Orçamento de 2020, … Leia mais
  • DPE-TO participa de audiência pública sobre acessibilidade em Araguaína
    Uma audiência pública voltada para as demandas de acessibilidade da população com deficiência na Câmara de Vereadores de Araguaína aconteceu na última sexta-feira, 06. O coordenador do Núcleo Aplicado das Minorias e Ações Coletivas (Nuamac), o defensor público Pablo Chaer, integrou a mesa de honra da solenidade, proposta pelo presidente da Casa, vereador Aldair da … Leia mais
  • Programação de Natal de Araguaína inicia na próxima quinta-feira, 12
    As praças das Nações e do Setor Noroeste estão sendo decoradas para receber as atrações artísticas até o Natal, dia 25 Serão 14 dias de apresentações teatrais e musicais até o dia 25. A abertura da programação terá a chegada do Papai e Mamãe Noel A Programação de Natal de Araguaína inicia na próxima quinta-feira, … Leia mais
  • Reforma administrativa: Fim da estabilidade favorece perseguição ideológica de servidores
    Antonio Tuccílio, presidente da CNSP. Autor: Antonio Tuccílio, presidente da Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP) A gestão do presidente Jair Bolsonaro (PSL) promete muitas reformas. A da Previdência já foi aprovada. A tributária, que há décadas é tida como uma necessidade, deve entrar na pauta em breve. E, para completar o time das reformas, … Leia mais
  • Projeto Live DPE alcança mais de seis mil pessoas
    Realizado pela Defensoria Pública, transmissões ao vivo ofertam entrevistas com temas relevantes sobre a prestação de serviços da Instituição e defesa do cidadão Com a proposta de ser uma conexão direta via redes sociais entre defensoras e defensores públicos e a comunidade em geral, o projeto Live DPE – com apenas sete meses no ar … Leia mais

Categorias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons