Empresários do setor de alimentos participam de palestra do SENAI sobre inovação em Palmas

O setor de alimentos, em especial micro, pequenas e médias empresas, foi o público alvo da palestra “Inovação é só para grandes empresas. Será?” promovida na noite desta quinta-feira, 21/11, pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial em Palmas. Os desafios e tendências ligados a inovação neste segmento para a inovação foram abordados pela consultora do SENAI Bahia, Cleide Guedes.

Segundo a palestrante, a produção do setor de alimentos pode, por uma necessidade cada vez maior do cliente, resgatar experiências e ser inovador ao alcançar, por exemplo, o gostinho caseiro de algo que era consumido na casa de uma avó. “Esse retorno ao mais natural, ao mais saudável, ao aconchego familiar e emocional que sentar em uma mesa tem para o ser humano estão muito mais próximos da micro e pequena empresa, com sua produção artesanal, do que dos grandes. É um desafio para as grandes empresas ser parecida com o pequeno nisso”, explicou Cleide que é engenheira de alimentos e atua há 29 anos como consultora desta área.

A consultora do SENAI Tocantins, Míriam Holanda, destacou as diversas possibilidades de atendimento em inovação oferecidos pelo SENAI em seu portfólio e por meio de parcerias. “Quando a empresa contrata o SENAI ele contrata todo um universo nacional de competências técnicas pois nossa atuação não é regional, não está restrita ao Tocantins. Temos atuação nacional para buscar e oferecer aqui o que, por ventura, ainda não tivermos”, disse acerca da área de Serviços de Tecnologia e Inovação do SENAI.

Entre o público convidado, estavam os empresários participantes do Programa de Apoio à Competitividade de Micro e Pequenas Indústrias (PROCOMPI) desenvolvido pelo SENAI e Sebrae. O gerente metropolitano do Sebrae, Antônio Cursino, falou do trabalho da instituição para a inovação entre os micro e pequenos empresários. “Nós temos várias frentes de trabalho e a área de inovação é a bandeira maior, porque a gente entende que o negócio se desenvolve e agrega valor diante do processo de inovação”, avaliou o gerente.

Na oportunidade, representantes do SICREDI também expuseram soluções para os empresários interessados na obtenção de crédito a convite do Núcleo de Acesso ao Crédito da Federação das Indústrias do Estado do Tocantins.

Fonte Priscila Cavalcante / Assessoria de Imprensa SENAI

Posts recentes

Categorias

Publicidade:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons